Direito Do Trabalho E Novas Tecnologias

Sinopse

Numa breve síntese, posso adiantar que a tese é constituída por uma introdução e cinco partes seguidas de conclusão. A parte I tem como título “O trabalho”, na parte II são tecidas relevantes considerações sobre “O princípio da proteção do trabalhador”, na parte III é destacada “A Transformação das relações de trabalho”, na parte IV é abordada a importante temática da “Flexibilização das relações de trabalho (Brasil e Portugal) e na parte V são estudadas “As novas tecnologias e o Direito do Trabalho. A tese aborda o tema inovador e extremamente atual das repercussões das “novas tecnologias” no Direito do Trabalho da Sociedade do século XXI e consequentemente coloca diversas indagações preocupantes, como é o caso de saber se as novas tecnologias podem ser um “fator de precarização do Direito do Trabalho no Brasil e em Portugal no século XXI? e se haverá o risco das novas tecnologias porem em causa “o trabalho e/ou emprego (subordinado)?” Estas e outras problemáticas são analisadas pelo Autor. In Prefácio, de Stela Barbas