Tap - Caixa Negra: Os Bastidores Da «guerra Séria» Entre A Tap E O Porto

Sinopse

A TAP passou de empresa pública a empresa privada e a empresa semi-pública em poucos meses. Antes, durante e depois desse processo, cujo desfecho ainda é incerto, a companhia aérea aplicou uma estratégia de abandono do aeroporto do Porto. Rui Moreira, que contesta há uma dúzia de anos a concentração da gestão dos aeroportos e denuncia o esgotamento artificial do aeroporto da Portela, levantou a voz, obrigando o país a discutir todo o processo. Neste livro, revelam-se os bastidores dessa «guerra» mediática, as viagens à Irlanda para reuniões com a Ryanair, os jantares secretos com José Sócrates, as cartas de aviso a Passos Coelho e até emails anónimos que motivaram investigações jornalísticas. Com a ajuda do seu adjunto Nuno Santos e o prefácio do ex-ministro Luís Valente de Oliveira, o autarca do Porto denuncia um caso paradigmático de centralismo.