A Ideia De Liberdade Em Portugal: Do Contratualismo Absolutista Às Sequelas Do Triénio Vintista

Sinopse

O objeto do vertente Estudo incide sobre o levantamento da Ideia de Liberdade nos quadros do absolutismo (sobretudo na sua vertente de despotismo ilustrado) europeu e nacional e concomitantes transições para o liberalismo. Ou seja, os sucessos portugueses compreendidos entre o séc. XVIII e primeiro quarto de século seguinte (fase final do período Moderno e apogeu nacional do despotismo ilustrado e as sequelas do Vintismo) e condicionantes europeias desse período, subjetiva e objetivamente encaradas.